A | A | A
Foto: (Texto: PNUD com informações do MMA   - Foto: Aquivo/MMA).Foto: (Texto: PNUD com informações do MMA - Foto: Aquivo/MMA)

Projeto Planos Estaduais: CAR de 80% das propriedades rurais em Ulianópolis

Última actualização: 03.08.2012 //

O cidade paraense de Ulianópolis - a 400 km de Belém - acaba de sair da lista dos municípios que mais desmatam na Amazônia. Graças ao cadastramento de 80% das propriedades rurais, regularizando a situação junto aos órgãos ambientais, a cidade já está novamente apta a receber financiamentos de instituições de crédito e a comercializar seus produtos para indústrias de carnes e grãos. A realização do cadastramento ambiental rural faz parte do projeto-piloto Planos Estaduais de Prevenção e Controle dos Desmatamentos na Amazônia Brasileira e Cadastramento Ambiental Rural Municipal. Implementado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) e pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), o projeto conta com financiamento do governo da Noruega.

Além de Ulianópolis, outros cinco municípios participam do projeto: Dom Eliseu, no Pará, Marcelândia, em Mato Grosso, e Acrelândia, Senador Guiomard e Plácido de Castro, no Acre. Dom Eliseu também já concluiu o cadastramento, mas ainda não atingiu a meta de 80% das propriedades, o que impede o município de reverter o embargo.

Para ler o texto integral publicado pelo PNUD na íntegra, acessar: http://www.pnud.org.br/Noticia.aspx?id=3634


Bookmark and Share